10 Passos Para Gerar Trafego Organico Para Seu Negócio Online

trafego organico google

Trafego Orgânico é o sonho de todo empreendedor digital, sem trafego não existe negócio.

O conteúdo do blog é muito importante para garantir maior número de acessos.

Todavia, às vezes preparamos um artigo com conteúdo excelente e vemos o tempo passar sem maiores mudanças no acesso.

Ocorre que além do conteúdo, alguns pontos são fundamentais para garantir o tráfego no seu site.

Google Analytics considera três tipos de tráfego virtual: direto, pago e orgânico.

O tráfego direto ocorre quando o site é salvo nos favoritos, assim os acessos não necessitam de interceptor.

Já o tráfego pago, o chamado link patrocinado, aparece nas buscas do Google ou em sites.

O que é tráfego orgânico? Quais são as suas vantagens?

tráfego orgânico consiste no ranqueamento feito pelo Google, isto é, numa pesquisa aparecem várias páginas de resultados, entretanto, os sites mais acessados são os que aparecem na primeira página.

Esse tráfego que ocorre sem interceptores de pagamento é o tráfego orgânico, totalmente livre e gratuito.

Vantagens do Tráfego Orgânico

A gratuidade desse tipo de tráfego é um dos maiores atrativos.

Além disso, ocorre o aumento nos lucros, pois os visitantes vindos por meio dos buscadores, como por exemplo, do Google, são visitantes realmente interessados no que você escreveu.

Com muita organização e através do tráfego orgânico você gera contatos facilmente.

Conseguir estar posicionado nas primeiras páginas de busca do Google exige muito trabalho, pois apenas os melhores sites ocupam tal posição.

Existe um tipo de filtro utilizado pelo Google, para posicionar os sites que tem tal padrão.

Então, não adianta apenas ter conteúdo é preciso seguir um caminho para conseguir tal tráfego.

9 Elementos Capazes de Gerar Mais Tráfego Para Seu Negócio Online

1 – Palavra-chave ou Keywords

Utilizar ferramentas do Marketing Digital é imprescindível para aumentar o tráfego orgânico.

Veja o que as pessoas estão buscando dentro da categoria que você atua, pesquise palavras-chave no Google Adwords ou no Übersuggest, estas são ferramentas gratuitas.

2 – Plugins

Instale Plugins no seu blog, pois favorecem a configuração inteligente dos termos de busca.

Apesar de haver muitos plugins disponíveis no mercado, dois se destacam:

SEO by Yoaste  Tudo em um pacote de SEO .

Dessa forma seu artigo ficará mais bem posicionado no ranqueamento do Google e demais buscadores.

3 – Links

Existem dois tipos de links, os internos e os externos.

Os links internos, quando inseridos nos artigos, aumentam o entendimento do leitor e trabalham melhor a ideia no seu conteúdo.

Já os externos – de outros sites – fortalecem o seu conteúdo nos mecanismos de busca.

 4 – Otimização de conteúdo

otimização do conteúdo proporciona mais tráfego orgânico.

Assim é vital saber inserir as palavras-chave no texto, para que o conteúdo não fique repetitivo.

Insira links de maneira natural e utilize os Plugins e demais ferramentas ao seu favor.

5 – Aparência

Cuide da aparência do seu site, bem como da aparência do autor.

A imagem do rosto do autor junto ao artigo serve de destaque e passa maior confiança para o leitor.

6 – Meta Descrição

O texto que aparece sob o título do artigo é chamado de meta description.

Trata-se de uma descrição curta que vai indicar ao leitor que naquele artigo ele vai encontrar determinado assunto.

7 – URL

A URL aparece após a “/” do endereço do seu site e serve para indicar o termo.

8 – Círculos Sociais

Um autor ou blog que possui mais seguidores e círculos de amizade se destaca em meio a multidão, é o chamado Social Proof.

Quanto mais seguidores, maior será a credibilidade do seu site.

9 – Título do Artigo

Inserir um termo relacionado ao artigo, como por exemplo, “mais tráfego orgânico” auxilia no aumento do tráfego, pois facilita que você seja ranqueado pelos mecanismos de busca.

Esse mesmo termo deve constar na URL.

10 – H1

A hierarquia é muito importante pois o Google usa o que chamamos de algorítimo, para entender determinado conteúdo.

E dentro de um post você precisa identificar qual é a:

  • H1 : Muito Importante
  • H2 : Importante
  • H3 : médio 
  • H4 : menos importante
  • H5 : menos, menos importante

Por termos de estética, não gosto de mudar tanto fico com a H1 e H2 e as outras faço com negrito e itálico.

Negligenciar sua H1 ou pior colocar mais que uma H1 no texto pode colocar seus esforços na lama então cuidado.

Bom esse é o básico do SEO onPage, fico por aqui grande abraço.

Continue navegando no nosso site e explore ideias para aumentar seus ganhos na internet, bem como ter mais tráfego orgânico no seu site. Comece já!

👉 Gostou? Comente e Compartilhe  😊

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *